Começa sexta-feira (15/11), a Festa em Louvor a Nossa Senhora do Rosário e São Benedito no bairro Matinha. 

Nos dias 15 e 16, haverá movimentação de barraquinhas com venda de comidas típicas com renda destinada a construção da nova igreja da comunidade. As tradicionais barracas da festa da Matinha também estarão presentes com a venda de roupas, calçados, panelas e acessórios diversos.

A organização é do Reinado de Patrocínio, Associação de Congados, Capitães e Festeiros de 2019.

O governo federal lançou hoje (12), em cerimônia no Palácio do Planalto, o programa Previne Brasil que altera procedimentos de repasse de recursos do Sistema Único de Saúde (SUS) para os municípios. A iniciativa visa incluir mais pessoas nos programas de atenção primária. A expectativa do governo é incluir 50 milhões de pessoas em diferentes programas dos SUS. A previsão é de que os repasses para os municípios tenham um aporte de R$ 2 bilhões, passando de R$ 18,3 bilhões para mais de R$ 20 bilhões.

Segundo o governo, o novo modelo vai aportar mais recursos para os municípios que melhorarem a saúde dos brasileiros, especialmente nos serviços de saúde da atenção primária, que cuida dos problemas mais frequentes, como diabetes e hipertensão, através de consultas médicas, exames e vacinação.

Antes, a distribuição de recursos era feita com base na quantidade de pessoas residentes e de serviços existentes em cada município, sem considerar o atendimento efetivamente prestado pelas 43 mil Equipes de Saúde da Família (ESF) que atuam no país. Atualmente esses profissionais atendem cerca de 90 milhões de pessoas. A avaliação do governo é de que as equipes podem atender até 140 milhões de pacientes.

"Em 30 anos de SUS e até hoje, o repasse de recursos aconteceu pela ótica do per capita, de quantas pessoas moram na cidade, de quantas equipes de saúde da família têm. Essa maneira era muito justificada pela chamada universalidade, de dar um pouco de recursos para cada município. E nós não podemos perder isso de visto. Mas ela criou um mundo dos esquecidos”, disse o ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta.

De acordo com o ministro, essas medidas vão atingir especialmente as pessoas que recebem benefícios sociais, com baixa renda e idosos que, muitas vezes, acabam não sendo contempladas no atendimento de saúde. “Onde estão as pessoas? Cruzamos os diferentes cadastros e encontramos no cadastro do Bolsa Família, do BPC [Benefício de Prestação Continuada], do INSS [Instituo Nacional do Seguro Social], das pessoas que recebem os menores benefícios e são quase 40 milhões de pessoas esquecidas, as mais frágeis e que mais têm a necessidade da atenção básica”, afirmou.

De acordo com o Ministério da Saúde, os recursos serão distribuídos com base em três critérios: o número de pessoas acompanhadas nos serviços de saúde, em especial as pessoas que recebem  benefícios sociais, crianças e idosos; foco no tratamento de doenças crônicas como diabetes e redução de mortes de crianças e mães; e ainda a adesão a programas estratégicos, como Saúde Bucal e Saúde na Hora, que amplia o horário de atendimento à população dos serviços, abrindo durante o almoço, à noite ou aos fins de semana.

Outro ponto que também será alterado é a forma de cadastramento dos usuários do SUS, feito pelos profissionais de saúde e gestores no Sistema de Informação da Atenção Básica (Sisab). A partir do lançamento do programa, esse cadastramento poderá ser feito também pelo CPF e não apenas pelo Cartão Nacional de Saúde (Cartão SUS). De acordo com o ministério, a alteração vai facilitar que os profissionais de saúde, a exemplo das Equipes de  Saúde da Família (ESF) e Agentes Comunitários de Saúde, realizem a busca ativa dos pacientes em casos de retornos sobre exames, consultas, situação vacinal, dentre outros.

"O vínculo do cidadão à equipe permite o planejamento da oferta de serviços nos municípios e o acompanhamento adequado de cada paciente evitando, inclusive, que as pessoas recorram às urgências e emergências dos hospitais para tratar doenças que poderiam ter sido prevenidas na Atenção Primária e, desta forma, não teriam evoluído para estágios mais graves que são mais aflitivos para os pacientes e elevam os custos no SUS", disse o ministério.

Indicadores

Outro ponto que sofreu alteração é a quantidade de indicadores avaliados. Atualmente, 720 indicadores de saúde tem previsão de monitoramento, no entanto, de acordo com o governo, o sistema de registro dessas informações não é alimentado na maior parte dos municípios, o que impossibilita o acompanhamento real das condições de saúde das pessoas.Pela proposta do Previne Brasil, agora serão monitorados 21 indicadores da saúde da população. Eles precisarão ser informados regularmente para que os municípios possam receber recursos federais. A proposta prevê que, em 2020 serão monitorados 7 indicadores, mais 7 em 2021 e mais 7 em 2022. Entre eles estão a realização de consultas pré-natais e vacinação em crianças. O monitoramento de indicadores será feito a cada quatro meses, a partir de setembro de 2020.

Marcello Casal Jr./Agência Brasil/Pol

PATROCÍNIO (MG) - Devido ao feriado nacional em comemoração à proclamação da república no Brasil, celebrado na próxima sexta-feira (15) não haverá expediente nas repartições públicas municipais e suas autarquias neste dia.

Também não haverá coleta de lixo  e nem atendimento nas Unidades Básicas de Saúde na data.

Os casos de urgência e emergências serão atendidos no Pronto Socorro Municipal, que terá funcionamento normal e contará com equipe de reforço.

Créditos: PatrocinioOnline

Desde segunda-feira (11), a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo está realizando as comemorações da “Semana da Consciência Negra” em Patrocínio com programação que se estende até a semana que vem.

O Dia da Consciência Negra é comemorado em 20 de novembro em todo o território nacional.  A data faz referência ao dia da morte de Zumbi dos Palmares, líder do Quilombo de Palmares, que lutou para preservar o modo de vida dos africanos escravizados que conseguiam fugir da escravidão. A importância da data está no reconhecimento dos descendentes africanos na constituição e na construção da sociedade brasileira.

PROGRAMAÇÃO. Segundo Eliane Nunes, secretária municipal de Cultura, nesta sexta-feira (15), às 15 horas, nas dependências do Clube União Operária, haverá o Encontro das Matrizes Africanas a partir das 15 horas e iniciam-se as comemorações da festa em louvor a Nossa Senhora do Rosário e a São Benedito, com barraquinha que está sendo em frente ao Poliesportivo da Matinha. No bairro haverá a entrega da Folia e Terço Cantado.

No sábado dia 16 as 19:30 acontece a missa e levantamento do Mastro com show de viola do cerrado.

No domingo dia 17, missa às 10:30 da manhã; às 14 horas apresentação dos Ternos; 15:30, Coroação e Procissão e uma hora depois coração dos festeiros de 2020.

Eliane Nunes informa que, “no dia 19, terça-feira da próxima semana, será realizado um Sarau Literário com o tema “Consciência Negra”, no Museu com exposição de arte negra.

No dia 20 acontece o 3º Encontro de Capoeira com os integrantes do Programa Arte Viva da Secretaria, a partir das 7 da noite no Poliesportivo do Catiguá Tênis Clube. “Durante esse período questões como o racismo, a discriminação, a igualdade social, a inclusão do negro na sociedade, a religião e cultura afro-brasileiras, dentre outros”, salientou Eliane Nunes.

 

Créditos: Rede Hoje

Os veículos foram removidos pelo guincho, por não terem condições de transitar.

No dia 09/11, por volta das 21h46min, segundo ligação via 190, teria acontecido um acidente de trânsito com vitima no cruzamento das avenidas Faria Pereira com Rui Barbosa.

A Polícia Militar deslocou no local do acidente confirmando a veracidade.

Os militares em contato com o condutor do veículo VW Voyage de cor Prata, D. H. M, 24 anos, relatou que se encontrava parado no semáforo da avenida Rui Barbosa com avenida Faria Pereira sentido ao banco Itaú e no momento que ficou na cor verde e iniciou a transposição da via foi colido pelo veículo GM Onix de cor branca, conduzido por A. C. B. M., 32 anos, que transitava pela avenida Faria Pereira sentido ao Posto Coopa.

Com o impacto veio a bater o rosto no volante causando um sangramento no nariz.

A equipe do SAMU foi acionada e o conduziu para o Pronto Socorro municipal, onde foi atendido e colocado em observação para exames complementares.

Já em conversa com a condutora A, esta confirmou a versão narrada por D. e acrescentou que no momento em que transpôs a sinalização semafórica de sua via, este estava na cor laranja, porém não se recordava se D. estava com seu veículo parado aguardando a sinalização, porém sua passageira/testemunha, confirmou quanto a versão narrada por D., mas não soube falar qual a cor estava a sinalização transposta por elas.

Os militares verificaram a documentação dos veículos e condutores, e por estar em conformidade com o CTB foram liberados para seus respectivos donos sendo eles removidos pelo guincho, por não terem condições de transitar.

Com informações da Polícia Militar fotos: Divulgação 

PatrocínioOnline